SILÊNCIO! (Fundamental II)

30/04/2015
Sem comentários

SILÊNCIO!!!

 

            No dia 22 de abril, logo após o feriado, fizemos uma atividade inovadora no Colégio Viktor Frankl, com a participação intensa dos alunos do 6º ao 9º ano que foram os verdadeiros protagonistas: estudamos o silêncio! E o resultado foi surpreendente! Coloco abaixo algumas frases dos trabalhos em grupo integrando os alunos dos diversos anos, que se uniram pelo subtema escolhido: silêncio e criatividade; silêncio e saúde mental, silêncio e aprendizagem e silêncio e sono. Nem todo o trabalho produzido está contido neste texto; creio que o principal resultado foi o despertar da consciência para a necessidade urgente e vital de uma pausa de silêncio em nossa vida corrida. Vamos experimentar?

            Agradeço aos pais e a equipe da escola que apoiou e colaborou nesse trabalho.

 

Paz e serenidade

Marina Lemos Silveira Freitas

 

 

 

SILÊNCIO

            Silêncio também é uma forma de demonstrar respeito e interesse pelo ponto de vista do outro. Com o silêncio aprendemos a nos ouvir, ouvir o outro e falar no momento certo. Assim, sem desperdício de palavras.

Grupo: João Victor (9ºB), Vitor (9ºB),Gabriel (8ºB), Guilherme (6ºB)

 

            Há uma distinção entre a supressão da fala e o silêncio, e é importante saber diferenciar estes conceitos de “calar” e do “silêncio”.

Grupo: Ana Laura (8º), Laura (8º), Emily(8º), Sabrina (9º)    

 

            “Saber ouvir e saber falar: nisto consiste o supremo valor do silêncio”.

Grupo: Caio, Wallace, Gabriela, Rafaela, Maria Júlia

 

            O silêncio é necessário para diminuir nosso estresse e melhorar nossa aprendizagem. Quando o homem era mais “agrário”, a sociedade era mais silenciosa. Com o aumento da população, da poluição, dos avanços tecnológicos e outros aspectos, a sociedade se tornou mais barulhenta e, consequentemente, o estresse da população cresceu.

            Há uma diferença entre o conceito de “calar” e do “silêncio”. Quando ficamos calados, nós não estamos necessariamente em silêncio. Mesmo calados nós podemos, mesmo assim, ter pensamentos rodeando em nossas cabeças. Quando ficamos em silêncio nós esvaziamos nossas cabeças de pensamentos e conseguimos entrar em contato conosco mesmo. Isso é muito bom para a nossa saúde mental e para a nossa aprendizagem.

            Concluímos que só há benefícios em ficar em silêncio e que este é um ato que todo mundo deveria passar a fazer com mais frequência.

Grupo: Luca Albuquerque (9º A), Lucas Eduardo (6ºA), Lorenzo Massaro (6ºA), Pedro Jacob (6ºA).

 

 

 

 

SILÊNCIO E CRIATIVIDADE

            Com tanta poluição sonora e visual nos rodeando, o silêncio acaba virando ouro.

            A concentração exige silêncio absoluto. Uma vantagem do silêncio é que ele ajuda a organizar as ideias.

            Na realidade, a criatividade é algo que todos nós temos. Mas será que conseguimos ser criativos diante de tanta conversa e distração? A resposta é: Dificilmente não!!!

            O mercado de trabalho está atrás de pessoas que tenham boas ideias, ousadia, pensamento rápido, que tenham uma boa concentração, e, claro, pessoas criativas.

            “Não há momentos de pausa.

            Não há, por isso, tempo de criar”.

Grupo: Brenda, Yukari, Flávia e Maria Eduarda – 8º A

                                                            

            O silêncio é importante para a concentração, atenção, harmonização do corpo e mente. Além disto, é uma prática fundamental para que ocorra o diálogo humano, pois a maioria da população não presta atenção no que está sendo dito e, antes de esperar a outra pessoa acabar de falar, já pensa no que irá responder sem mesmo refletir ou pensar na frase falada.

Grupo: Lucas, Carol, Maria Eduarda M., Maria Eduarda N.

 

            O silêncio é importante para ouvirmos nosso interior; ele vale mais que mil palavras. Sem silêncio não se pode criar. A criatividade é uma forma de escavar ouro dentro de nossas mentes e para isso, é importante ter espaços de silêncio.

Grupo: Sofia Brito (8ºB), Sofia Bazon (8ºB), Maria Eduarda (8ºB), Laura (6ºB)

 

            A criatividade só está presente onde o silêncio também está. E para isso, não é necessário o estímulo de olhos e ouvidos. Essa é a única forma de estar liberto para olhar para dentro de si.

Grupo: Luísa (8ºB), Maria Clara (8ºB), Nicole (6ºB).

 

            “A verdadeira inteligência trabalha no silêncio. É no silêncio que a criatividade e a solução de problemas se encontram”. Eckhart Tolle

            “Silêncio e sorriso são duas poderosas ferramentas. Sorriso é a maneira de resolver muitos problemas. E silêncio é a forma de evitar muitos deles”. Sabedoria popular

Ana Luiza Amorim de Oliveira (7ºA) e Maria Luisa G. C. Papi (7ºA)

 

 

 

SILÊNCIO E SAÚDE MENTAL   

            O exercício do silêncio é tão importante quanto a prática da palavra.

            É no silêncio que conseguimos colocar nossos pensamentos e ideias em ordem.

            Tente praticar estes exercícios em momentos de seu dia a dia:

·         Deixe a televisão ou eletrônicos desligados por um certo período do dia; essa ausência de ruídos faz bem à mente e acalma.

·         Antes de dormir, ao se deitar, apague as luzes e desligue tudo, apenas sinta este momento de paz e tranquilidade.

Grupo: Letícia (6ºB), Arthur (8ºB), Isabela (7ºB), Letícia (6ºB)

 

            Devemos vivenciar o silêncio mesmo ele não sendo muito confortável. Há vários caminhos saudáveis para encontra-lo, por exemplo: o caminho da natureza, lugares silenciosos, meditação, leitura.

            O silêncio é um aprendizado que requer perseverança. É algo mais que a ausência de ruídos. O silêncio e a paz interagem.

            Nós não produzimos o silêncio, ele existe diante de tudo, entretanto, não vivenciamos o silêncio apenas por fora, mas também interiormente.

Grupo João Lozano (9ºB), Augusto (8ºB), Elio (7ºB)

 

            Quando nos encontramos em muito barulho, nos afastamos da voz mais verdadeira que existe: a do nosso eu interior. Um pouco de silêncio diário auxilia na tomada de decisões, na manutenção do equilíbrio em situação de estresse e na saúde mental. O silêncio pode ser conquistado aos poucos, pois é uma questão de hábito. É necessário ter orientação nas escolas sobre o silêncio, pois auxilia nos estudos.

Grupo: Murilo, Pedro I, Rafael e Bricci (9ºA)

 

 

 

SILÊNCIO E APRENDIZAGEM

O silêncio é fonte de inspiração e criação

            O silêncio permite a produção de obras memoráveis e diante dele, conseguimos compreender e apender tantas coisas que se não houvesse silêncio não iríamos conseguir fazer nada. Primeiro ouvir quieto e depois, falar.

            O silêncio é importante para que tenhamos um bom aprendizado, um bom foco, pois faz você ficar mais relaxado e fazer uma reflexão consigo mesmo.

            Na escola o silêncio é muito importante, pois para aprender e para fixação das matérias, não pode haver barulho. Portanto: não pode ficar conversando com os coleguinhas.

Grupo: Murilo, Roberto, Matias, Mazzei, José (manhã)

 

            O conhecimento se adquire mais quando há silêncio, pois assim, você ouve seus pensamentos, absorve mais o conteúdo e tem novas ideias. Quando você está em silêncio, você reflete.

Grupo: ?

 

            A sala de aula, como laboratório de aprendizagem, é um lugar para o exercício do silêncio e seu cultivo. Saber usar o silêncio é um aprendizado difícil, uma vez que o impulso inicial é intervir com frequência, atendendo a necessidade de aliviar suas próprias tensões.

            O silêncio é o bálsamo que acalma e tranquiliza o nosso descanso diário e favorece o processo de aprendizagem.

Grupo: Laura Sanches Franco (8ºA), Amanda Luz (8ºA), Monike Moreli (8ºA), Rafael Abbade Reis ( ºA), Vitor (6ºA) e Lucas (6ºA)

 

 

 

SILÊNCIO E SONO

            Muitas pessoas perguntam qual a importância do silêncio no sono e a resposta é: O silêncio é importante pois para podermos descansar, precisamos ter um sono sem interrupções. Enfim, para termos um descanso reparador precisamos ter o silêncio como fator fundamental, pois ninguém consegue dormir bem com barulho.

            Precisamos ouvir o som do silêncio.

Grupo: Amanda, Laís, Maria Eduarda, Bia, João Pedro.

 

            Barulhos, rangidos, atrapalham o sono. Sem sono pleno e profundo, acordamos cada vez mais fracos. Uma noite mal dormida atrapalha o dia a dia.

            Quando uma pessoa tem silêncio consigo mesma antes de dormir, ela acaba ficando calma e tem um sono mais tranquilo.

Grupo: Beatriz, Brendha, Leonardo P., Luiz, Danilo.

 

            A importância do sono: ficar de bom humor, não ficar irritado, repor as energias, ajudar a memória, equilibrar o apetite, aumentar a concentração, evitar acidentes, e, se você estiver doente, o sono vai te ajudar curar mais rápido.

            Coisas que diminuem o sono: café, energéticos, buzinas, barulhos. Quando se dorme em silêncio, se tem uma noite de sono mais tranquila.

Grupo: Pedro, Mateus.

 

            Se o sono é benéfico para a memória e o raciocínio nos jovens adultos, mas se altera em quantidade e qualidade com o avançar dos anos, a questão é saber se melhorar as condições de sono pode travar ou inverter as mudanças na memória e no raciocínio, relacionados à idade. É a diferença entre investir de antemão ao invés de tentar compensar mais tarde.

Grupo: André, Pedro, Guilherme, Matheus.

 

            “Se soubéssemos quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio no mundo”.

Grupo: Rebeca, Pedro H., Gabriel Galves, Gabriel.

 

            Em todo o mundo, um em cada cinco indivíduos usa com frequência algum medicamento para adormecer. Depois de atravessar anoite sob sedação, essa gente passa o dia mal.

Grupo: Bruna (7ºB), Luiz Felipe (7ºB), Victor (9ºB), Victor (6ºB), Lívia (6ºB)

 

            Atividades estimulantes demais, tarde da noite, são inimigas do sono: exercício físico, música alta, jogos violentos no computador, pois acendem o sistema de motivação do cérebro e nos seguram acordados e atentos por mais algumas horas.

Grupo: Lucas José, Lucas Roveri, Felipe Camara, Melina Miranda, Laura Cangussú.

 

            O sono é fundamental para fazermos uma faxina em nosso cérebro. Para ter um sono tranquilo, o silêncio do ambiente é fundamental.

            Sintomas de um sono perturbado:

·         Pouca energia

·         Irritabilidade

·         Dificuldade no aprendizado

·         Falta de concentração

·         Sonolência

Grupo: Maria Eugênia (7ºA), Mel (7ºA), Davi (7ºA), Gabriel Augusto (7ºA), Rafael (6ºA)

 

            O silêncio é, realmente, um fator muito importante para o sono. Quando nosso cérebro trabalha durante o dia todo, em algum momento ele irá querer, pedir descanso para “recarga”.

            Não importa se você tem 6, 8 ou 10 horas de sono; o importante é que seu sono seja calmante. E com silêncio para relaxar seu organismo.

 

Grupo: Ana Beatriz, Arielli, Giovanna, Maria L.

Comente esta publicação:

Comentários:

Compartilhe:

< voltar para postagens
Colégio Viktor Frankl - © Todos os direitos reservados